top of page

Palestra Sensorial e apresentação da ASSOLIVE



Foi realizado no dia 12 de julho, Restaurante Des Cucina, em São Paulo, a apresentação da Associação dos Olivicultores dos Contrafortes da Mantiqueira e Sudeste, ASSOLIVE, com a produtora Vanessa Gamarra e a Dra. Amanda Neris - Mestra e Doutora em Ciência de Alimentos pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência de Alimentos – PPGCA, da Universidade Federal de Minas Gerais-UFMG, e idealizadora da empresa EXPERIENCIAR.


A presença da imprensa e convidados para a degustação e a apresentação dos azeites associados, contando com história da olivicultura no Brasil, analises sensoriais e degustação de azeites.




Sobre a Assoolive


A Associação dos Olivicultores dos Contrafortes da Mantiqueira foi fundada em 2009, com apoio da EPAMIG, reunindo produtores com plantios nos Contrafortes da Mantiqueira, Serra do Mar, Bocaina no Rio de Janeiro e São Paulo.


Hoje a Associação abrange outras regiões de montanhas nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo.


A Assoolive conta com 35 associados das diferentes regiões de atuação da Associação, para os quais se compromete a passar informações técnicas e suporte institucional de forma a possibilitar o desenvolvimento da olivicultura da região.


Foi apresentado alguns dados da ASSOLIVE registrou nos últimos 4 anos uma produção estimada de 150 mil litros de azeite, resultado da produção de 25 produtores, dos 35 associados.


  • 200 produtores

  • 1,2 milhões de plantas

  • 2,5 a 3,0 mil hectares

  • 80 municípios

  • 28 máquinas extratoras

  • 400 empregos diretos

  • 2.000 empregos indiretos

  • 310 mil litros de azeite nos últimos 4 anos

  • 15% crescimento anual de olivicultores

  • 80 marcas comerciais

Dados: EPAMIG – Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (2023)



Foto: Chef Zé Brasil


Veja algumas das marcas presentes no evento:


  • Azeite Sabiá

  • Azeite Gamarra

  • Azeite Veroli

  • Azeite Catas Altas da Noruega

  • Azeite OLIQ

  • Azeite 1244

  • Azeite Caperucita

  • Azeite Dona Maria da Fé

  • Azeite Mantikir

  • Azeite Pili

  • Azeite Rossini

  • Azeite Grattacielo

  • Azeite Zet


Que tal ter experiências nos olivais do Brasil?


A região é rica em experiências e na gastronomia, e isso fio apresentado durante o evento. Conheça um pouco de cada produtor.



Foto: Chef Zé Brasil


OLIVAL: ESTÂNCIA DO PINHEIRO Localização: Catas Altas da Noruega – MG. AZEITE: OLIVAIS DE CATAS ALTAS DA NORUEGA

Produtor: Moacir Nascimento Azeite degustado: Koroneiki – safra 2023.

Embora sem a fama dos destinos consagrados, a região de Catas Altas da Noruega em Minas Gerais tem se revelado como se aventurar em um simpático passeio e desfrutar de um lugar autêntico com sabores que só o interior de Minas sabe proporcionar. A exemplo, a Estância do Pinheiro recebe visitação de turismo guiada por empresas especializadas em turismo rural visando, principalmente, receber pessoas interessadas em conhecer mais sobre a olivocultura e os Olivais de Catas Altas da Noruega que produzem as variedades de azeites Arbequina, Koroneiki e Arbosana. A fazenda possui 30 hectares de terra numa área bem protegida pela Mata Atlântica. É possível visitar a fazenda. O receptivo que varia de 2 a 3 horas, inclui palestra sobre a história e produção do azeite, visita aos pomares e degustação dos produtos da safra. Também oferece duas suítes para hospedagem aos interessados em conhecer o projeto da Estância do Pinheiro.

OLIVAIS: GAMARRA Localização: Vale do Gamarra – Baependi – MG AZEITE: GAMARRA Produtores: Vanessa Bianco, Cláudio Ferreira, Vilma Alvarez e Breno Monteiro. Azeite degustado: Blend Arbequina, Grappolo, Koroneiki, Arbosana. 2023.

Os Olivais Gamarra, localizados no vale do Gamarra, Baependi, MG, ficam no entorno do Parque Estadual da Serra do Papagaio, lugar de beleza exuberante e natureza muito preservada. Conciliando o desenvolvimento econômico local e a conservação ambiental, o manejo agroecológico adotado no cultivo tem trazido muitos benefícios para as plantas e para a região. Azeites extravirgem premiados, extratos de oliveira e óleos cosméticos são alguns dos produtos que fabricam. Alguns prêmios:

2019 medalha de prata pelo Brazil Internacional Olive Oil competition( Brazil Iooc) 2020- Bronze pelo Brazil Iooc 2021- prata – Brazil Iooc 2022- prata Brazil Iooc e Flos Olei guia Italiano 2023 Os visitantes podem conhecer os olivais e as ricas paisagens, passear até o Lagar, que é a fábrica onde é feito o azeite e participar de uma degustação guiada de azeites. Na ́época da colheita e extração podem vivenciar todo o processo de fazer dos azeites.

OLIVAL: Santo Antonio e São José do Coimbra Localização: São Bento de Sapucaí – Alto da Mantiqueira – MG AZEITE: OLIQ Produtores: Antônio Batista, Maria Cristina Vicentin e Vera Masagão Ribeiro. Azeite degustado: Arbequina – safra 2023.


No alto da Mantiqueira, em São Bento de Sapucaí, nas fazendas Santo Antônio e São José do Coimbra, três amigos cultivam oliveiras e processam os azeites extravirgens OLIQ. São mais de 10 mil pés de oliveiras, de diversas variedades, cujos frutos resultam em azeites extravirgens monovarietais do tipo Arbequina e Koroneiki, Blend Grapollo/Arbequina e azeites aromatizados. A primeira safra foi em 2014 com a produção de 2 mil litros de azeite. Em 2022 a boa safra resultou em 9 mil litros produzidos. É possível fazer visita guiada, para conhecer as diferentes variedades de oliveiras de que é composto, e isso em épocas distintas: em julho começa a floração; entre outubro e dezembro a frutificação; entre fevereiro e março ocorre a safra na fazenda. Inclui também degustação e harmonização de azeites. O visitante se quiser poderá usufruir do restaurante que é integrado aos pomares e jardins, assim como à área onde o azeite OLIQ é produzido.

OLIVAL: SABIÁ Localização: Santo Antonio do Pinhal – SP. AZEITE: SABIÁ Produtores: Bia Pereira e Bob Vieira da Costa. Azeite degustado: Blend de Terroir – safra 2023.

Em 2014, a jornalista Bia Pereira e o administrador e publicitário Bob Vieira da Costa se apaixonaram pelo mundo da olivicultura e hoje com apenas cinco safras comercializadas, já acumulam 55 prêmios internacionais com o Azeite Sabiá, que produz os tipos Arbequina, Koroneiki, Arbosana e Blend. Ganhou prêmio de Melhor Azeite Médio Frutado do Mundo, pelo Guia Italiano Lodo Guide, e como Melhor Azeite do Hemisfério Sul, prêmio máximo de um dos concursos mais respeitados e rigorosos da olivicultura, o italiano Leone D´Oro. Em 2022, o Sabiá alcançou um novo reconhecimento internacional, entrando para a lista dos 10 melhores do mundo pelo prêmio espanhol EVOOLEUM Awards. A rigorosa premiação é organizada há 20 anos pela editora espanhola Mercacei e pela Associação Espanhola de Municípios Olivais (AEMO), e essa é a primeira vez que um azeite brasileiro figura na lista do top 10 entre os 100 melhores do mundo. Ainda nas premiações, o azeite Sabiá da variedade arbequina foi eleito o melhor da América do Sul pelo prêmio italiano EVO IOOC, e o blend produzido na fazenda Sabiá da Vigia, em Encruzilhada do Sul, levou ouro na premiação norte-americana NYIOOC – New York International Olive Oil Competition. As visitas guiadas na fazenda começam no entorno de uma oliveira de 300 anos onde é falado um pouco sobre a história da olivicultura na civilização (desde 8.000 a.c), sobre a olivicultura no Brasil e na fazenda. Depois é feito um passeio pelo olival, pela fábrica em cada etapa e, por fim, uma degustação com os azeites Sabiá. Há ainda, um empório, com venda de azeites, outros produtos locais e café.


OLIVAL: ALTA VISTA Localização: São Bento de Sapucaí – SP. AZEITE: 1244 Produtores: Família Rossetto. Azeite degustado: Blend Arbequina, Arbosa, Koroneiki e Grappolo – safra 2022.

O Azeite de Oliva Extravirgem 1244 é produzido em São Bento do Sapucaí, Serra da Mantiqueira (SP). A primeira colheita foi realizada em fevereiro de 2022 de forma manual, com todo cuidado desde o preparo do solo até a extração realizada horas após a colheita e envase, processo que assegura frescor e qualidade. O Terroir da Mantiqueira contribui para a excelência do produto, ideal para o cultivo das olivas. Versátil, o azeite tem aromas e textura de um blend adaptável para diferentes experiências gastronômicas, feito a partir de quatro diferentes olivas: Koroneiki, Arbequina, Arbosana e Grappolo. Um de seus diferenciais, além da qualidade e potencialização no sabor, é a origem de uma produção totalmente nacional. O nome 1244 é uma referência à altitude media do local de cultivo: Olival Alta Vista, com mais de 3 mil árvores protegidas por matas ciliares reflorestadas que tornam o local ainda mais especial. São mais de 10 ha de área plantada com vista deslumbrante para a Pedra do Baú, um dos principais pontos turísticos da região. É por isso que o recém- chegado ao mercado já é reconhecido como o “Azeite da Pedra do Baú”, sendo notado como referência da Mantiqueira. A novidade nasce para entregar o melhor do azeite extravirgem fresco, com 0,01% de acidez, pois é um cultivo natural.

OLIVAL: SÍTIO CAPERUCITA Localização: São Bento do Sapucaí – SP

AZEITE: CAPERUCITA Produtores: Zenaide e Décio Ceballos. Azeite degustado: Koroneiki – safra 2023.

O Sitio Caperucita, adquirido há 8 anos, passou por uma transformação significativa sob a gestão do casal Décio e Zenaide Ceballos. Inicialmente dominado pela brachiária e com solos degradados, o desafio era realizar cultivos específicos sem o uso de herbicidas, defensivos ou adubos químicos, adotando assim uma abordagem de agricultura regenerativa. A estratégia de regeneração adotada concentra-se na busca por plantas companheiras compatíveis com o cultivo de oliveiras, visando melhorar a qualidade do solo e, consequentemente, a qualidade dos produtos. A expectativa é produzir, de forma sustentável, produtos de alta qualidade, aproveitando a localização privilegiada dentro do Monumento Natural da Pedra do Baú, a 1550 metros de altitude, cidade de São Bento do Sapucaí, bairro Paiol Grande. O sítio dedica esforços contínuos de recuperação de nascentes, preservação de reservas nativas e plantio de árvores ameaçadas de extinção, como o Pau Brasil, a Imbuia e a Canela Sassafrás. Destaca também a presença de uma “floresta” de Kunugui (quercus acutíssima), em testes para recuperação de terrenos degradados. Além de outras plantas em estudos para consórcios e alelopatias, no contexto de sustentabilidade, regeneração de solos e produtividade com qualidade. O Sítio possui as marcas Caperucita e Manaxir registradas no INPI para comercialização de azeites, vinhos, geleias e outros produtos.

OLIVAL: SÍTIO CAMPOS DE MARIA DA FÉ Localização: Maria da Fé – MG. AZEITE: DONA MARIA DA FÉ Produtora: Neide Maria Batista Soares Azeite degustado: Blend Arbequina, Arbosana e Koroneiki – safra 2023.

A ideia surgiu com o entusiasmo por uma nova cultura, a possibilidade de produzir azeite extra virgem em Maria da Fé. Localizada a mais de 1200 metros de altitude possui o solo e clima mais favorável do Brasil para o crescimento de oliveiras. A plantação iniciou em 2004 no Sítio Campos de Maria da Fé e a marca Dona Maria da Fé é uma homenagem a matriarca da cidade. Variedades produzidas: Arbequina, Arbosana, Koroneiki, Grapollo. A média de produção é de 500 litros de azeite por ano. O Azeite Extra Virgem Blend Dona Maria da Fé é um produto artesanal e bem fresco, totalmente livre de produtos químicos. Foi extraído em março de 2023 e produzido com as azeitonas Arbequina, Arbosana e Koroneiki. Possui sabor de intensidade média e frutado e um leve toque de amargor. É 100% puro e para o envase de 1 garrafa desse azeite são necessárias, em média, de 7 a 10 quilos de azeitonas. Tem acidez 0,2%, sendo que a média de acidez exigida para ser um extravirgem é de até 0,8 %.

OLIVAIS – ESPAÇO ESSENZA E FAZENDA TUIUVA. Localizações: Essenza Santo Antônio do Pinhal SP e Fazenda Tuiúva em Maria da Fé e Cristina – MG. AZEITE: MANTIKIR. Produtores: Herbert e Tatiane Sales. Azeite degustado: Blend Arbequina, Arbosana, Coratina, Grappolo e Koroneiki – safra 2023.

A área de plantio e manejo do Espaço Essenza fica na Fazenda Tuiuva, o olival mais alto do Brasil, situado na Mantiqueira, a 1910m de altitude, nos municípios de Maria da Fé e Cristina, em Minas Gerais. E a extração é realizada no Lagar de Quelemém, pelo mestre Luiz Augusto. O Azeite Mantikir é um blend de campo de todas as variedades produzidas: Arbequina, Grappolo, Koroneiki, Arbosana e Coratina e já acumula 3 premiações de grande relevância internacional em 2023: 2o melhor Azeite do Hemisfério Sul – Concurso Internacional de Azeites extra virgem Premio CA OVIBEJA | Portugal; Medalha de Ouro – ATHENA 2023 Olive Oil | Grécia e GRAND PRESTIGE GOLD | Israel. É possível fazer visita guiada nos olivais, mediante agendamento prévio. O Espaço Essenza na Mantiqueira paulista oferece: Restaurante Essenza, Picnic Essenza e Experiência Essenza com degustação harmonizada e orientada.

OLIVAL: SÍTIO PEDRAS DO VENTO Localização: Camanducaia – MG.

AZEITE: PILI Produtora: Pilar Esteve Diz Azeite degustado: Blend Arbequina, Grappolo, Koroneiki e Arbosana – safra 2023.


A produtora Pilar Estevez Diz é médica, e junto com a família buscavam um lugar não só para descansar, mas também para fazer algo novo, distinto da rotina diária. Daí o desejo de ter um sítio e depois de alguma pesquisa viram que era possível o cultivo de oliveiras na Serra da Mantiqueira. Estão na Mantiqueira de Minas Gerais desde 2012, no Sítio Pedras do Vento, situado entre 1.600 a 1650 metros de altitude. Hoje possuem um pomar com 6.000 pés de oliveira, a maioria ainda muito jovens, que não entraram em produção. Cerca de 1000 estão em produção. Em 2022 inauguraram o próprio lagar. Com isso, todo o processo é local: colheita manual, extração no mesmo dia no lagar, decantação, envase e rotulagem. Esta é a quarta safra do azeite Pili. A primeira safra foi em 2020, sendo que as duas primeiras safras foram extraídas no Lagar Santo Antônio e desde 2022 fazem a extração no próprio lagar. Pilar faz a extração, é a mestre do lagar, apaixonada pelo que faz, porque segundo ela é delicioso ver o azeite vertendo da máquina.

OLIVAL: SÍTIO OLEA ROSSINI Localização: Santo Antônio do Pinhal – SP

AZEITE: ROSSINI Produtores: Luiz e Marilia Rossini. Azeite degustado: Arbequina – safra 2023.

Luiz Rossini, psicólogo de formação e ex diretor de RH de grandes empresas multinacionais, juntamente com sua esposa Marília, doutora em biologia e ex pesquisadora científica do Instituto Adolfo Lutz tiveram inspiração para elaborar o Azeite Rossini nas ricas culturas italiana e portuguesa de saborear e partilhar alimentos frescos, preparados de forma simples, mas sempre com muito Azeite de Oliva. O desejo de trazer essa experiência para a família e amigos os levou a plantar oliveiras, com a intenção de produzir um azeite extra virgem de alta qualidade. Encravado nos contrafortes da Serra da Mantiqueira paulista, o olival a 1.100 metros de altitude. reúne as condições ideais de clima e altitude. Plantado na face norte do terreno, propicia que todas as oliveiras fiquem bem expostas à luz do sol, o que é essencial para o crescimento de frutas suculentas e sadias. A colheita é feita manualmente, sendo esta a forma de garantir que apenas frutas de alta qualidade sejam usadas para o processamento do azeite, é um produto artesanal, 100% puro e saudável. Variedades produzidas: 4 monovarietais Arbequina, Grappolo, koroneiki e Coratina. Visitação guiada com palestra e degustação.

OLIVAL: SÍTIO GRATTACIELO Localização: Córrego do Bom Jesus – MG. AZEITE: GRATTACIELO Produtores: Roner Dixini Naves e Georgia Marcia Dias B. Naves Azeite degustado: Blend Koroneiki, Arbosana e Arbequina – safra 2023.

Roner é médico otorrinolaringologista como profissão principal e sua esposa Georgia farmacêutica. Ele e família se apaixonaram pela localização e vista do sítio e depois quiseram investir na área de campo e receberam a orientação de plantar oliveiras. A lavoura tem três alqueires, com cinco para seis anos de cultivo e está na segunda colheita.

Grattacielo significa “Arranha céu”. É um dos olivais mais altos do Brasil, 1760m de altitude. Produz três variedades de azeites: Koroneiki, Arbosana e Arbequina, que resulta num excelente blend. Não possuem lagar e não fazem olivoturismo no momento, apesar de estar no radar essa possibilidade. A casa justamente por estar num olival tem muita procura para locação, o que é possível.

, OLIVAIS DE QUELEMÉM Localização: Maria da Fé –Pedralva – MG AZEITE: ZET Produtor: Samir Rahme Azeite degustado: Blend Arbequina, Grappolo e Maria da Fé – safra 2022.

Trata-se de um azeite de cultivo orgânico e biodinâmico que não usa nenhum aditivo químico na sua produção. Essa produção segue um calendário biodinâmico, que leva em conta as estações do ano e suas qualidades e dificuldades, assim como o movimento dos planetas e sua relação com o mundo vegetal. Possui preparados próprios tanto para nutrição como para fortalecimento de raiz, golas, caule e frutos. O principal nutriente é a compostagem feita a partir do estrume de gado. Com isso, o azeite é resultado da relação da Oliveira, com a terra e cosmos. O azeite não somente é livre de química pesada, mas tem todo o esplendor da frutificação. O objetivo é produzir um azeite saudável para o organismo ao mesmo tempo torna-lo um azeite verdadeiramente medicinal. Os azeitólogos, quando fazem a degustação, são unânimes em afirmar que já, desde o palato, sentem algo diferente em relação aos ótimos azeites convencionais. Esse diferencial na percepção do produtor, que é meramente subjetivo, damos o nome de vitidade.

OLIVAL: ALMA DA MANTIQUEIRA Localização: Sapucaí-Mirim/ MG AZEITE: VEROLÍ – AZEITE EXTRAVIRGEM DA SERRA DA MANTIQUEIRA

Produtoras: Vera, Natasha e Luana Mincoff Menegon Azeite degustado: Koroneiki – safra 2023.

O olival localiza-se em Sapucaí Mirim, MG, com altitudes que variam de 1400 a 1670 metros. O cultivo preserva as matas nativas e nascentes da Mantiqueira. Um projeto familiar em seu núcleo, nascido em 2016, mas que é desenvolvido por muitas mãos que plantam e cuidam do olival, com assessoria especializada desde o início de sua implantação, seja no plantio, adubação, poda e manejo cuidadoso das árvores e do solo. Verolí, é uma marca jovem, com muito caminho pela frente. Nasceu em 2022. Agora, em 2023, foi inaugurado o seu Lagar. Assim, são colhidas as azeitonas e é feita a extração do azeite o mais rápido possível. A safra de 2023 traz uma família de cinco azeites, sendo quatro monovarietais (Arbequina, Arbosana, Koroneiki, Grappolo) e um Blend. Esses azeites apresentam aromas frutados e herbais, com percepções de picância e amargor, que variam em intensidade, conforme a variedade das azeitonas. Em suma, são azeites frescos que trazem as características do terroir da Mantiqueira, cujas análises indicam excelentes parâmetros de qualidade.


Agradecemos imensamente pelo convite desta evento tão importante. Neste evento fomos representados pelo amigo e Chef de cozinha Zé Brasil @chefzebrasil.






Chef Sérgio França do Restaurante Des Cucina e Chef Zé Brasil


Mais informações sobre a ASSOOLIVE e os azeites nacionais, através do site www.assoolive.com.br


Assessoria de Imprensa

Anice Aun Informação e Editoração Ltda.







Комментарии


Post: Blog2_Post
bottom of page