top of page

Introdução ao mundo do azeite de oliva: Conhecendo o ouro líquido.

Já falamos tanto de oliveiras e olivicultura, mas uma pergunta que não quer calar. Você sabe escolher azeite?

O OliveTalk “Introdução ao mundo do azeite de oliva: Conhecendo o ouro líquido” apresentado por Chania Chagas, sócia-proprietária do Empório do Azeite, Gramado-RS, consultora expert Internacional em degustação de azeites de oliva e Sommelier, demonstrou aos consumidores a riqueza de detalhes que devem ser observados na compra.

Como escolher um azeite é sempre dúvida. Qual comprar? Chania destaca que “é importante que o consumidor aprenda mais sobre o produto e deguste o azeite puro para compreender melhor as suas características organolépticas. No caso do extra virgem é importante observar três atributos fundamentais para um produto de qualidade: ter sabor frutado, amargo e picante.”

Relatou também sobre a acidez, explorada por muitos como uma estratégia de incentivo ao consumo. “A acidez se tornou erroneamente o principal parâmetro de escolha de um azeite de oliva pelos consumidores, não só no Brasil como em vários outros países. Apesar deste % estar presente na classificação do produto, e também revelar a qualidade dos frutos com os quais foram produzidos o azeite, é apenas um item dentro de um conjunto de fatores físico-químicos, que são responsáveis pela análise técnica do azeite de oliva.”

Chania, menciona também, que o azeite de oliva melhor é o mais fresco, e que a acidez não é perceptível ao paladar, e sim uma análise química feita no azeite que de acordo com requisitos estabelecidos pelo COI (Conselho Oleícola Internacional) e que variam conforme esse azeite é elaborado.

“Quando eu estava estudando na Universidade de Jaén ano passado um dos professores comentou a respeito de como a acidez do azeite de oliva tinha virado parâmetro de escolha. Ele citou que, assim como os hotéis recebem estrelas para a sua classificação de melhor a pior, no caso do azeite de oliva o consumidor escolheu o percentual de acidez, pois um valor numérico é melhor para isso. Achei bem interessante essa analogia.”

Este evento foi realizado por AFRUTES, Sindicato Rural de Encruzilhada do Sul/RS e Secretaria de Agricultura Municipal de Encruzilhada do Sul/RS, e colaboração da Emater – RS, Embrapa.

Patrocínio Master: PIERALISI DO BRASIL

Patrocínio: Azeite Casa Albornoz, Azeite Costa Doce, Lagar H Azeite, FERTICEL e Herança do Cerro

Apoio: Prefeitura Municipal de Encruzilhada do Sul, IBRAOLIVA, Revista Azeites & Olivais e Jornal Sudeste Comunicações.

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page